14 maio 2008

Fábrica de Sonhos #01

por Neo Raph


Nintendo



Anteriormente havíamos parado numa figura emblemática da nossa Big N, seu nome Gunpei Yokoi, sua importância para Nintendo começa antes mesmo da descoberta dos games, ele ingressou na Nintendo ainda mesmo quando a mesma fazia as cartas hanafudas, no ano de 1970 Hiroshi Yamauchi observou um invento de seu empregado, era uma mão que simulava movimentos humanos, sem pensar ordenou que esse passa-tempo fosse transformado num lançamento natalino daquele ano, fazendo o maior sucesso.




Com o ingresso da Nintendo no setor de vídeos, novamente Yamauchi convocou nosso gênio da eletrônica para criar, e foi numa viagem de trem que veio a idéia, um homem jogando em sua calculadora fez nosso gênio criar um protótipo, passado o tempo ganharia nome, Game e Watch que viveu de 1980 até 1991, com clássicos dos fliperamas com Mario e Donkey Kong, o primeiro portátil da Nintendo fez muito sucesso, com grandes jogos só teve seu falecimento com surgimento de outra criação do nosso mestre, nasceria o Game Boy, mas bem antes, em 1989.


Yokoi ajudou Shigeru a criar suas principais franquias, Donkey Kong e Mario Brothers saíram do grupo de desenvolvedores liderados pelo Yokoi, I & D2 que signifava Investigação e Desenvolvimento 1, assim como participação direta em Kid Icarus, Metroid e muitos outros clássicos. Os membros remanescentes participaram na criação do Game Boy, este lançado em 1989, com tela monocromática (preto e verde) o sucessor do Game Watch fez fama por onde passou, com baterias bastante duráveis e uma seleção de jogos com qualidade, fizeram derrotar qualquer concorrente, com absoluta certeza a criação suprema do nosso mestre que infelizmente teria seu grande revez.










Virtual Boy, esse nome ainda não foi apagado da Big N, um dos maiores fracassos da industria teve participação total do nosso mestre Yokoi, a idéia de criar uma atmosfera 3D funcionava bem na teoria, na pratica muitos problemas que atingiam até usuários ( por ter uma luz forte, causava dor de cabeça quando jogado por muito tempo), foi lançado em 1995 mas morreu com poucas unidades vendidas e poucos jogos, infelizmente esse revez serviu de estopim para a saída dele da Nintendo.









Após sua saída, nosso mestre criou um estúdio, nele um projeto de um computador portátil, os parceiros eram Koto, Bandai e também a Square (que havia se afastado da Nintendo nessa época), seu nome era WonderSwan que seria lançado em 1999, infelizmente Gunpei Yokoi não viu o lançamento de seu ultimo invento, um trágico acidente tiraria a vida do nosso mestre, mas em momento algum tirou toda a historia que fez na Nintendo, devemos muita coisa a ele, vendo a Nintendo como ela é hoje. Salve Gunpei.





Outra franquia que merece total respeito é Pokémon, Satoshi Tajiri o criou em conjunto com seu amigo, Ken Sugimori ambos estudavam a maneira como os insetos viviam e se transformavam no seu ciclo de vida, daí saiu a idéia base dos Pocket Monsters , sua carreira começou como tester de uma revista, em 1982 Tajiri junto com amigos decidiram criar uma empresa, que mais tarde seria a Game Freaks, ele tinha grande fascinação pelos insetos e imaginou o quão incrível seria se pudesse capturar e evoluir os mesmos.



A idéia definitiva veio quando ele observou 2 pessoas jogando Game Boy in Flax, um dos insetos estava envenenado pelo outro que usava o cabo link, a idéia original de Pokémon seguia o conceito da comunicação entre sistemas para a massificação das capturas dos monstros. A Nintendo aprovou a idéia e por longos 5 anos o game ficou em desenvolvimento, no fim de 1996 Pokémon Red and Green havia chegado a marca de 8 milhões de cópias vendidas, sem nenhuma publicidade.





Após a bem sucedida incursão nos Games, foi à vez de Pokémon invadir as telas da nossa sala, em 1998 nasceria o anime baseado no jogo, o sucesso imediato fez de Tajiri um milionário hoje em dia, com lucros na sua franquia e pela Game Freak.





Pra finalizar esse fabrica de sonhos não podíamos nos esquecer do criador de Kirby e do crossover Super Smash Bros, Masahiro Sakurai, o ilustre criador de sonhos começou sua carreira na Nintendo nos estúdios da Hal Laboratory, com apenas 19 anos ele criou o fantástico Kirby Dream Land de Game Boy, ele também criou a franquia Super Smash Bros do Nintendo 64, na época ninguém botava fé na proposta do game, com baixo orçamento o game vendeu horrores sem muito alarde, ele trabalhou na versão de Game Cube também, mas em 2003 se desligou da Hal por incompatibilidade de gênios com a proposta da Nintendo, ele saiu buscando liberdade em seu trabalho. Nessa sua nova missão ele fundou o Q Entertaiment e criou o seu único jogo, Meteos para Nintendo DS.





Em 2005, diante de um convite especial do até então presidente da Nintendo Satoru Iwata, Sakurai decidiu voltar a trabalhar lado a lado com a Nintendo, Super Smash Bros Brawl era o motivo, o criador voltaria para criar um novo jogo que pudesse mostrar do que o Wii era capaz, não deu outra levou 40/40 da Famitsu, algo que poucos jogos conseguiram.


Sei que muitos gênios faltaram nessa homenagem a Nintendo, mas tentamos expor ao máximo todos os principais que fizeram seus jogos serem lembrados para todo sempre, finalizo essa matéria pedindo a vocês sugestões sobre qual softhouse devemos fazer nossa homenagem no Fabrica de Sonhos #02, mais uma vez agradeço a todos.

Abraços.

Um comentário:

vinicius disse...

muito boa a matéria
até pus o blog nos meus favoritos
a sugestão da softhouse q eu vou dar é a Hudson, amo bomberman